AUTHORS: Thaís Fernandes Santos, Maurício Alves Loureiro

RESUMO: Esta comunicação foca nas escolhas metodológicas de segmentação, envolvendo dados de áudio e movimento em uma performance musical. Um amplo número de pesquisas veem desenvolvendo estudos sobre a relação entre o movimento do músico e o som produzido por eles. O ponto de partida é o conhecimento e discussão envolvendo as publicações científicas na area.

Sabemos que os músicos realizam escolhas interpretativas que estão condicionadas à manipulação do som, na tentativa de enfatizar e/ou minimizar determinados aspectos que os músicos expressam durante suas performances.

Outro importante aspecto da análise de uma performance está relacionado com o movimento produzido pelos intérpretes. Determinados movimentos realizados pelos músicos estão amplamente relacionados com a produção do som, enquanto outros gestos são classificados como “acompanhantes”, uma vez que estes não possuem relação direta com a produção sonora.

A escolha da segmentação, nesse tipo de pesquisa, faz parte da metodologia envolvida no estudo, dado que essa determina como serão os recortes a serem analisados e quais caraterísticas estes segmentos terão.

Algumas pesquisas seguem a ideia de uma segmentação mais automatizada. Determina-se uma ferramenta que executa os recortes no sinal cinemático e, em seguida, no acústico. Outra alternativa seria o uso de descritores de movimento, como a velocidade tangencial, segmentando o sinal pelo mínimo de energia das curvas envolvidas. Existem ainda, segmentações baseadas na intuição dos gestos gerados pelo som produzido pelos músicos.

Pesquisas apontam para a necessidade de observação dos sinais contínuos que envolvam aspectos temporais, como o som. Nota-se que estudos envolvendo o círculo de perceber e agir, nas atividades interativas humanas, deveriam se atentar para as referidas características temporais, uma vez que estas fazem parte do processo.

Esse artigo busca fazer uma revisão bibliográfica sobre as diferentes segmentações realizadas em pesquisas que envolvam o som e o movimento humano, destacando a importância do aprofundamento da discussão metodológica nessa área de pesquisa e buscando fazer avançar o conhecimento acumulado pela área.

PUBLICATION TYPE: Conference Abstract – III Seminário de Pesquisa em Artes, Cultura e Linguagens, 2016.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s