O título do post promete falar das diferenças entre um Trabalho de Conclusão de Curso, uma dissertação de mestrado e uma tese de doutorado, mas vou começar falando sobre o que eles tem em comum 🤷🏻‍♀️

Monografia, dissertação e tese são documentos que apresentam os resultados de um trabalho experimental ou um estudo teórico de tema único e bem delimitado (Veja post sobre como formular uma pergunta de pesquisa). Todos os três formatos de documentos devem ser capaz de ressaltar o conhecimento bibliográfico sobre o assunto e claro… conseguir demonstrar a capacidade de síntese do candidato.

(Aqui, abro um parênteses para dizer que: um estudante de graduação, especialização, mestrado e/ou doutorado é um candidato a bacharel, especialista, mestre e/ou doutor, pois o mesmo somente se torna um destes títulos quando aprovado pela banca no “final” do processo)

Por fim, os três documentos são comuns pois são supervisionados por um orientador e tem como “objetivo” a obtenção do título de bacharel, especialista, mestre e/ou doutor.

E a diferença? 🤔

Sim, a diferença está no aprofundamento, na originalidade e ineditismo do trabalho.

Semelhanças e diferença! Cafés e xícara!😜
Foto por Karolina Grabowska em Pexels.com

O aprofundamento na pesquisa se dá, primeiramente, pelo tempo que o jovem pesquisador passa envolvido com o seu processo investigativo (o mestrado geralmente são 2 anos de curso, enquanto o doutorado são 4 anos) e também pela sua trajetória de experiências (que na sua maioria percorreu todo o caminho com o TCC e a dissertação).

A originalidade e o ineditismo (este aqui merece um post só pra ele! Me contem se querem que eu fale mais sobre estes conceitos aqui no blog,😁) estão na busca por identificar diferenças onde outros estão vendo semelhança ou vice-versa. A originalidade busca ver um novo ponto de vista ou uma outra maneira de olhar para as teorias. O ineditismo, por sua vez, não se relaciona com a construção de uma nova teoria, mas de um ponto de vista único. A originalidade de algo não está na técnica utilizada, mas na combinação de técnicas.

E você? Em qual etapa de investigação você se encontra? TCC, dissertação ou tese? Espero que tenha te ajudo a pensar nas demandas que cada etapa exige.

Em qual etapa do caminho investigativo você está?
Foto por Tobi em Pexels.com

Para saber mais sobre monografia, dissertação e tese e/ou tantos outros tema acadêmico, me siga no Instagram e aqui no blog. Todo mês um post novo sobre alguma dúvida acadêmica 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s